Mercado Internacional

Frota De Gráneis Sólidos 20,000-64,999 TBP Cresce 7% Na Capacidade Em 2016

A frota de granéis sólidos Handysize-up-to-Ultramax deve crescer 7% em termos de capacidade, cerca de 250 milhões de toneladas de porte bruto em 2016, um aumento de pouco mais de 225 milhões de toneladas em 2015, de acordo com um relatório do estaleiro italiano Banchero Costa (Bancosta) divulgado quinta-feira.

Em termos de unidades, a partir de final de Fevereiro de 2016, a frota comercial, abranginda pelo segmento de granel sólido 20,000-64,999 tbp, situou-se em 5.326 embarcações, Bancosta disse: 900, ou 36% do total, foram Supramax (50,000-59,999 tbp). 456, ou 8%, foram Ultramax (60,000-64,999 tbp), enquanto não resto, eram unidades Handysize (20,000-49,999 tbp), dos quais 1.418 embarcações foram dimensionadas como 30,000-39,999 tbp.

309e89c87c670b1542d2940e330b2db2

O estaleiro registrou a entrega de 86 novos navios relacionados categoria de Handysize-up-to-Ultramax, totalizando 4,3 milhões de tbp. Isto incluiu duas unidades possuindo 20,000-29,000 toneladas de porte bruto, 36 unidades entre 30,000-39,999 toneladas de porte bruto, oito unidades caindo dentro do segmento Supramax tbp 50,000-59,999, e 40 Ultramax, pertencendo ao 60,000-64,999 tbp.

Tem-se uma expectativa de 28,7 milhões tbp, compreendida entreas categorias Handysize, Supramax e a   Ultramax, programada para ser entregue em 2016, Bancosta informou que espera que 18,2 milhões de toneladas de porte bruto, ou 63,4%, pertencentes à  categoria Ultramax 60,000-64,999 tbp.

Tanto quanto as embarcações que foram para corte também foram contabilizadas, Bancosta registrou 45 navios entre 20,000-64,999 tbp desmanchados nos dois primeiros meses de 2016, totalizando 1,5 milhões de tbp.

Destes, 43 eram navios Handysize de menos de 49.999 toneladas de porte bruto, dois pertenciam ao grupo de 60,000-64,999 tonelagem de porte bruto, mas nenhuma demolição de embarcação Supramax foi registrada.

Bancosta disse que as duas embarcações 60,000-64,999 tbp desmantelada eram do modelo Panamax, como oposição ao novo design Ultramax.

Enquanto isso, um desenvolvimento positivo para armadores considerando o excesso no volume de embarcações e a quantidade insuficiente de carga no mercado de granel sólido, Bancosta disse que registrou apenas um novo pedido dentro do segmento 20,000-64,999 tbp, um navio de tamanho entre 30,000-39,999 tbp.

Olhando para o futuro, Bancosta disse que espera que a a frota de 20,000-64,999 tbp  cresça mais 3% da capacidade em 2017, para pouco mais de 250 milhões de toneladas de porte bruto, antes de cair, de 1%, em 2018.

Fonte: Vessel Finder.