A Anvisa passou a funcionar 24 horas no Porto do Rio, desde 01/02, se adequando aos padrões internacionais. Para empresários como José Antonio Serrazine, diretor de Operações da Lachmann, a medida é um avanço e já apresenta resultados positivos, embora precise de aprimoramento.

“Além do plantão, o ideal é que a Anvisa tenha solução mais ágil, no período noturno, nos momentos em que o sistema Datavisa se torna inoperante. Sem o sistema, não é possível ao órgão verificar o pagamento da Taxa da Livre Prática. Isso atrasa a operação e corremos o risco de perder a janela de entrada do navio no porto seguinte”, ressalta.

O posto da Anvisa está localizado entre os armazéns 6 e 7, funcionando 24 horas inclusive aos sábados, domingos e feriados. Segundo Mariana Nogueira, analista de Comércio Exterior da Firjan, a medida, que está em sintonia com o Mapa do Desenvolvimento do Estado do Rio de Janeiro 2016-2025, traz maior dinamismo às operações de carga e descarga. “O novo horário é resultado do empenho dos empresários, por intermédio da federação, na busca de políticas públicas que fortaleçam o comércio exterior, através da simplificação e agilidade dos processos”, ressalta.

José Antonio Serrazine acrescenta ser importante o funcionamento 24 horas dos demais órgãos aduaneiros, como Receita Federal e Polícia Federal; e ainda o horário estendido também no Porto de Itaguaí.