Avanço foi motivado pelas tensões no Oriente Médio e pela queda das reservas.