O preço do petróleo fechou a sexta-feira (13) no nível mais alto desde dezembro de 2014. O avanço foi motivado pelas tensões persistentes no Oriente Médio e pela queda das reservas no mundo.

Em Londres, o barril de Brent para entrega em junho fechou com alta de 56 centavos, a US$ 72,58.

Em Nova York, o petróleo dos EUA (WTI) ganhou 32 centavos, a US$ 67,39.

No acumulado da semana, o preço do Brent aumentou 8,2% e o do WTI avançou 8,6%.